terça-feira, maio 08, 2007

Salmo 13 - Ilumina-nos os olhos

1 ¶ Até quando, SENHOR? Esquecer-te-ás de mim para sempre? Até quando ocultarás de mim o rosto?

2 Até quando estarei eu relutando dentro de minha alma, com tristeza no coração cada dia? Até quando se erguerá contra mim o meu inimigo?

3 Atenta para mim, responde-me, SENHOR, Deus meu! Ilumina-me os olhos, para que eu não durma o sono da morte;

4 para que não diga o meu inimigo: Prevaleci contra ele; e não se regozijem os meus adversários, vindo eu a vacilar.

5 No tocante a mim, confio na tua graça; regozije-se o meu coração na tua salvação.

6 Cantarei ao SENHOR, porquanto me tem feito muito bem.

Vemos aqui o clamor de um homem que se sente desamparado por Deus. O clamor de um homem que passa por dificuldades, podemos deduzir que de alguma forma o salmista encontrava-se longe de Deus, nós temos o péssimo hábito de achar que Deus se afastou de nós quando nos sobrevém as dores e as dificuldades do dia-a-dia. Eu particularmente tenho como certo que somos nós que nos afastamos de Deus ao deixar seus mandamentos de lado, ao nos voltarmos para nossas vontades e vaidades que insistimos em dizer serem necessidades.

Devemos sim ter a mesma preocupação que o salmista ao clamar que Deus ilumine os seus olhos para que não durma o sono da morte. É preciso que cada um de nós esteja atento para que os cuidados do mundo não venham a nos cegar. É imperioso que estejamos debaixo da vontade do SENHOR, firmados no SENHOR.

Quando tivermos a impressão de que Deus se afastou de nós, lembremos de olhar em nós mesmos o que fizemos para nos afastar de Deus, lembrando sempre que os meus, os seus, os nossos pecados é que nos afastam de Deus.

Clamo a Deus para que nenhum de nós venha a vacilar, para que nossos lábios louvem ao SENHOR, para que nossos atos testifiquem o seu Santo NOME e para que nosso coração regozije-se na tua Salvação.

Deus, ilumina-nos os olhos, para que nós não durmamos o sono da morte. Amém!

Graça e paz!
Robson Magalhães

Um comentário:

Eliane Gonçalves disse...

Hoje o Senhor me deu esse texto de conforto e ao mesmo tempo de reflexão.

Agradeço o seu comentário sobre os versículos.
Que Deus nos faça humildes e próximos dele.
Com carinho da irmã em Cristo
Eliane Gonçalves